O Governo dos Açores implementou, desde terça-feira, uma plataforma online com o objetivo de “agilizar o processo de denúncia de maus tratos e abandono de animais”.

A plataforma, de nome “SOS Animal Açores”, permitirá a “qualquer cidadão apresentar, com confidencialidade e de forma rápida, denúncias de maus tratos de animais, bem como a identificação de situações de abandono, negligência ou abuso, desencadeando um processo de verificação e encaminhamento para as autoridades competentes na matéria”, diz o secretário regional da Agricultura e Florestas do executivo, João Ponte.

Citado em nota de imprensa, o governante diz que esta nova ferramenta digital permitirá fortalecer a cooperação e a interligação entre várias entidades com responsabilidade em matéria do bem-estar animal nos Açores, de modo a dar uma resposta cada vez mais célere e eficaz, após a identificação das situações de abandono, negligência ou abuso de animais de companhia ou errantes.

João Ponte frisa também que, desde junho, que o Governo dos Açores tem em funcionamento uma base de dados regional para Registo de Animais de Companhia e Errantes (RACE), que permite o registo obrigatório destes animais, por parte dos Centros de Recolha Oficial (CRO) e que será alargada à administração local, forças de segurança e clínicas veterinárias.

Lusa