A empreitada prevê a intervenção numa área de 720 metros quadrados de um parque infantil que está atualmente desativado, no Parque Linear do Rio Pavia, junto ao Centro de Monitorização e Interpretação Ambiental.

“Com este passo, Viseu será uma das primeiras cidades do país a ser dotada de um parque canino”, disse Almeida Henriques, frisando que se trata de um “município amigo dos animais” e que, por isso, “quer criar cada vez melhores condições para que os cidadãos possam ter os seus animais de estimação”.

No parque canino, serão instalados equipamentos lúdicos que possibilitam o treino, a aprendizagem e a diversão dos animais, e bancos para os donos, em zonas de sombra.

“Será um espaço vedado, onde os animais, sob a supervisão dos seus donos, poderão andar soltos”, afirmou, explicando que o objetivo é que tenham uma “segura e saudável permanência no espaço público”.

O projeto prevê o reaproveitamento das espécies arbóreas existentes, a implementação de mobiliário urbano (como bancos, papeleiras com dispensadores de sacos e bebedouros para cães e donos) e um WC canino.

Segundo Almeida Henriques, estão também em fase de adjudicação mais dois WC caninos para colocar no Parque Aquilino Ribeiro e no Parque Urbano de Santiago.

O autarca disse que, “se a cidade está a criar condições para que as pessoas possam ter o seu animal de estimação”, o que espera é que “os proprietários dos animais também tenham um comportamento cívico”.

“Vamos ter tolerância zero para aqueles que, tendo animais de estimação, não cumprem com a sua obrigação cívica de manter o espaço público limpo, seja o espaço ajardinado, sejam passeios por onde circulamos no dia-a-dia”, avisou.

Almeida Henriques anunciou que, simultaneamente, em colaboração com a Junta de Freguesia de Viseu, será desenvolvida uma campanha de sensibilização para o comportamento cívico das pessoas.

LUSA

ler mais