Já era do nosso conhecimento os benefícios dos cães para a saúde, que vão desde o incentivo à prática de exercício físico à redução de stress. Esta investigação, publicada na PLOS One, sugere que estes animais podem desempenhar um papel muito importante até no controlo da diabetes.

As descobertas confirmam que os cães treinados para detetar a glicemia podem ajudar pacientes com diabetes tipo 1 a regular os níveis de açúcar no sangue de forma não invasiva e evitar os riscos de episódios de hipoglicemia e de hiperglicemia. A investigação conclui que, em média, os cães treinados alertaram os seus donos para 83% dos episódios de hipoglicemia dos mais de 4 mil episódios de hipoglicemia e hiperglicemia que foram examinados. Neste estudo, os investigadores de Bristol avaliaram as competências de 27 cães treinados em alerta de glicemia e recolheram informação a partir de registos de amostras de sangue dos participantes, num período de 12 semanas, e dos relatos dos casos em que os cães alertaram os seus donos.

Os cães que cheiram doenças e que podem salvar vidas

 

“Sabemos, a partir de estudos anteriores, que a qualidade de vida dos pacientes melhorou muito por terem um cão de deteção médica. No entanto, até hoje, as evidências vêm de estudos em pequena escala. Esta investigação fornece a primeira avaliação em grande escala da utilização de cães de detecção médica para detetar hipoglicemia”, afirma a autora principal do estudo, a Dra. Nicola Rooney, da Bristol Veterinary School, citada em comunicado.

Esta investigação foi realizada em colaboração com a Medical Detection Dogs, uma instituição que treina cães de estimação para responder ao odor de doenças humanas e ajudar os donos a viverem com as mesmas. Claire Guest, diretora executiva e co-fundadora da Medical Detection Dogs, considera que “as descobertas são uma notícia fantástica para todos aqueles que vivem com diabetes tipo 1 e outras condições. Os cães de detecção médica atendem principalmente pacientes que procuram formas mais eficazes e independentes de gerir a sua condição”.

MS

ler mais