O Inquérito Nacional de Saúde Equina 2018 (NEHS – 2018 National Equine Health Survey) indica que as doenças de pele foram responsáveis por 33% dos problemas de saúde reportados em 2018, mais 2% face ao ano anterior, seguindo-se a claudicação (29%), doenças metabólicas (7,4%), doenças respiratórias (7%) e problemas oculares (6%).

O NEHS tem por base a informação dada por milhares de proprietários de cavalos em todo o Reino Unido e pretende ajudar a identificar tendências em doenças epidérmicas equinas, podendo servir de apoio a veterinários e investigadores. Este ano, participaram cerca de 5.500 pessoas e foram verificados registos de quase 14.000 cavalos.

Este estudo foi criado em 2010 pelas associações Blue Cross e BEVA, juntamente com o professor de Estudo Clínicos Equinos da Royal Veterinary College, Londres, Josh Slater, como forma de fornecer informações sobre a prevalência das doenças todos os anos.

Vet-Online